terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Síndrome de Amoreirinha?

(fonte: Sporting Clube de Portugal)
 
 
Na década de 90 foram vários os jogos que vi resolvidos a favor do FCP, nas Antas ou em Vidal Pinheiro com a ajuda preciosa (e escandalosa) de um zeloso guarda-redes (da formação do FCP), de nome Jorge Silva. Chegava a fazer pena a sequência de golos que Mário Jardel e Domingos marcavam, da mais variadas formas, sempre muito consentidos pelo guardião. Nessa mesma altura, outra titulada promessa das selecções jovens, Fernando Brassard (ao serviço do Gil Vicente, Vitória de Guimarães e Vitória de Setúbal), era peça-chave em vitórias tangenciais da casa-mãe, o SLB.
 
Já neste século (e ainda no activo), morou em Alverca, Amadora, Coimbra e Setúbal, mais um motivado e sempre reconhecido à sua origem (SLB), de seu nome Amoreirinha. Quer através de uma expulsão ridícula, quer através de uma falha de marcação óbvia ou criação de lances de golos ao adversário (só na ficha de jogo, nunca na sua mente), esta outra promessa de selecções jovens, foi sempre um elemento a ter em conta na estratégia do SLB para vencer os seus oponentes (onde Amoreirinha "jogava").
 
A esta lista podem-se juntar nomes como Moretto (sofre um golo no último minuto contra o SLB [o da vitória], a poucos dias de assinar pelo mesmo SLB), José Fonte (que rescinde 3 dias antes desse mesmo jogo e, poucos dias após o mesmo, assina contrato com o SLB), Jorge Ribeiro e Makukula (já de contrato assinado, falham penaltis contra o SLB), Pelé (a assistência para Lima, na época passada no Restelo, está ao nível dos predestinados), mais as constantes suspeitas dos sempre incómodos (mas convenientes) interesses/contratação sobre jogadores das equipas adversárias, em vésperas de jogos com o SLB (basta lembrar, na última época, o Marafona e a sua brilhante exibição contra o SLB; o interesse em Vítor - melhor jogador do Paços de Ferreira - que teve como consequência a expulsão do próprio no jogo contra o SLB).
 
O Sporting venceu hoje o Belenenses devido a uma (muito) má decisão de Tonel (ex-jogador do Sporting, onde esteve 5 excelentes épocas). Sem esse lance, dificilmente teria vencido. 
 
Se, durante mais de 20 anos, ninguém da comunicação social e/ou dirigentes desportivos com responsabilidade escreveram ou agiram com suspeitas sobre os episódios acima enunciados, espero que não haja a hipocrisia de descredibilizar o, sempre intocável, desportivismo e profissionalismo de Tonel.
 
Num clube onde o Presidente da SAD deve fazer questão que todos os atletas tenham a BTV nos seus lares, onde jogadores são, massivamente, colocados na bancada para não jogarem contra determinado clube e cujo o Presidente da SAD afirma que levar 6 do SLB resume-se em "Isto aconteceu-nos uma vez por época. Foi esta.", espero que não se lance uma purga contra Tonel.
 
Não gostei da maneira como o Sporting venceu hoje. Não gostei porque não foi merecido que tenha ocorrido daquela forma (que, para mim, é suspeita, assumo-a). Não foi merecido para o Sporting mas, especialmente, para o Tonel que, hoje, fez um excelente jogo (até ao minuto 90...).
 
Mesmo tendo feito um jogo mais fraco, o Sporting esteve sempre por cima do adversário, merecendo a vitória, bem antes do minuto 90. 
 
Este era, em teoria, o jogo mais fácil dos próximos 2 meses. Talvez por isso, se tenha tornado difícil.


ps: os nossos calções são pretos!!! O Belenenses joga de camisola azul e calção branco - porquê que jogou todo de azul? Sá Pinto tinha a lição estudada, até na escolha de campo.

7 comentários:

RMSCP disse...

Cantinho,

Isto vai ser um pouco off-topic mas eu gosto é de falar do jogo e não das outras tretas...

Em relação ao jogo:

Estivemos razoáveis na 1ª parte e mal na 2ª. Hoje não gostei nada das decisões de JJ. Discordei de todas as substituições. Acho que foi por aí que não conseguimos fazer uma 2ª parte bem conseguida.

Já se estava a notar no final da 1ª parte que faltava criatividade e qualidade no centro do jogo. Quando JJ decide retirar Adrien (que é um jogador que eu não gosto) para deixar um William que fez, para mim, a pior exibição que já o vi fazer pelo Sporting, acho que há alguma coisa que não está bem. O William, independente de ser um grande jogador, se estiver a jogar mal, tem de sair e pronto. Se muitas vezes critiquei o estatuto do Adrien em ralação a outros (por ex. André Martins), aqui faço exactamente o mesmo. Adrien nem se quer estava a jogar bem mas já se percebia que o William estava em dia não (acontece a todos).

Depois, a 2ª substituição matou completamente o pouco jogo que o Sporting tinha. Tirar Montero quando este estava a ser o melhor em campo não tem qualquer cabimento (e já não é a primeira vez que isto acontece). As poucas jogadas de qualidade que o Sporting teve partiram todas dos seus pés. O jogo estava claramente a pedir Ruiz no meio mas como o "grande" Slimani não pode sair, tira-se o melhor em campo. Esta deixou-me completamente irritado (para não dizer coisa pior...), além de que trocar Ruiz com Montero não iria ajudar em nada (e não ajudou) porque esse não era o problema. Enfim, depois questionam-se sobre o porquê do Montero ter "crises de confiança".

Por último a 3ª substituição foi mais do mesmo. Tirar o Bryan, que foi o único jogador esclarecido durante o jogo (a par de Montero) é pedir por um milagre (que, por acaso, aconteceu). A desculpa do cansaço não pega porque ele nem precisava de defender, visto que o Belenenses nem conseguiu construir uma única jogada o jogo inteiro.

Em suma, se é verdade que não merecíamos ir para o intervalo a zeros, também é verdade que a 2ª parte foi deprimente. Está na hora de JJ perceber que para desmontar autocarros é preciso ter jogadores de futebol no corredor central. Os outros podem ajudar muito a defender e tal mas contra "os Belenenses" desta liga de pouco servem.

PS: Para quem achava que o Esgaio esteve mal no último jogo por ter falhado num lance, é contar quantos lances o João Pereira falhou hoje. Ridículo como um jogador deste nível é titular no Sporting.

Cumps

Valdemar Iglésias disse...

"Suspeita"?

Qual é a insinuação? Foi o BdC que subornou o Tonel? Ou foi o Jorge Jesus?

Eh, pá ganha juízo. Para essas teorias da conspiração já basta os adversários.

Paulo Ravasqueira disse...

A teoria da conspiração é demais. Vencemos sofrido. Contra anti-jogo é assim! SL

RG disse...

Cantinho,

Infelizmente não vi o jogo, mas pelo que fui lendo parece-me justa.

Guardo no entanto uma melhor apreciação após arranjar forma de ver o jogo.

PS: Não acredito que Tonel tenha tido qualquer intencionalidade no lance

Cantinho do Morais disse...

RMSCP,

concordo em absoluto. Vimos o mesmo jogo. Ou parte, visto que só cheguei ao estádio a tempo da 2ª parte. Vi um William péssimo (os meus amigos disseram-me que ainda esteve pior na 1ª parte).
E não posso ver nenhuma vantagem em tirar Montero e Ruiz para, depois, se confiar no Tanaka. É algo que não faz sentido.
Para aquele autocarro, a solução seria a realizada em Moscovo: com jogadores que sabem ter uma bola nos pés.
Depois há um problema: há pouca velocidade na frente. Os jogadores (com excepção de Gelson) são pouco velozes e fortes no 1 para 1. Talvez Bruno César seja um bom auxílio, já que não há Carrillo e Mané tem estado ausente nesta temporada.

Se nada mudar, a perda de pontos contra este género de adversário (que nada joga) estará para breve.

ps: o cansaço do jogo da Taça e Liga Europa fez-se sentir; isso revela que o plantel, como está, é curto (Teo, Jefferson, Mané, Carrillo fazem falta).

SL

Cantinho do Morais disse...

Valdemar e Paulo,

"suspeita" pode ter sido um termo forte. Mas fiquei incomodado. Tanto que o Tonel teve que se explicar e houve logo uma forte onda de suspeição por parte dos "paineleiros" do costume.
E trouxe os casos do FCP e SLB porque nunca vi essa onda de suspeição e indignação como vi agora.
E o facto do Tonel ter ido explicar-se também é inédito. Pois nunca vi o Brassard, Jorge Silva, Rui Duarte, Amoreirinha e outros tais a terem que explicar o quer que fosse porque isso nunca foi suspeito (mas é, porque nunca foram casos isolados).
O Tonel não merece. E acredito que a ter forçado uma ajuda, mais valia ter feito logo nas 1ªs jogadas, como por exemplo quando achou que não devia saltar com o Jonas na 1ª jogada do jogo na luz, que deu o 1º golo (o 1º de 4 golos ridículos).

Fiquei incomodado no estádio. Deve passar. Não acho que tenha havido "compra". Será sentimento verde? Não sei. Cansaço físico e mental, esperemos.

Obrigado pela vossa partilha de opinião.

Cantinho do Morais disse...

RG,

a vitória é mais que justa. Mas foi muito difícil porque falhámos muitos passes (William...), fizemos péssimas recepções de bola (Slimani) e quando tivemos espaço perdíamos facilmente a posição vantajosa que se tinha (Montero e William).
O desgaste físico foi enorme. Teve que se voltar muitas vezes atrás para recomeçar tudo de novo. E isso em termos físicos é de arrasar. Nota muito positiva para a organização defensiva, permitindo ganhar muita bola em zonas adiantadas, não deixando o Belenenses respirar no seu meio-campo (também nunca quiseram).

SL


RMSCP,
esqueci-me de uma coisa: o J. Pereira fez um jogo péssimo.